Ucrânia: Visão Mundial cria espaços dedicados para crianças afetadas pela guerra

Em quase um mês de conflito, cerca de dez milhões de ucranianos se viram obrigados a deixar seu país

Em resposta à crescente necessidade humanitária na Ucrânia e nos países de suas fronteiras, a Visão Mundial está criando Espaços Amigos da Criança (CFS) para ajudar a atender às necessidades emocionais de centenas de crianças afetadas. A organização está estabelecendo 15 CFSs na região, além de três espaços, que atualmente estão sendo criados nas áreas fronteiriças romenas de Husi, Iasi e Siret. Esses Espaços Amigos da Criança serão áreas seguras e acolhedoras para as que foram forçadas a fugir de suas casas na Ucrânia devido ao conflito, agora em seu 27º dia.

O Espaço Amigo da Criança é um abrigo onde elas podem brincar, aprender e expressar suas preocupações e medos em um ambiente seguro com profissionais treinados. Mais importante ainda, em um momento em que as crianças estão passando por estresse e trauma, um CFS lhes dá um lugar onde elas podem ser apenas uma criança e um tempo muito necessário longe da crise que transformou suas vidas, com outras crianças que estão enfrentando a mesma situação.

A Diretora Nacional da Visão Mundial da Romênia, Mihaela Nabâr, disse que os espaços não são apenas para brincar, mas também para as crianças experimentarem aspectos de uma vida normal novamente. “Atualmente, uma criança a cada segundo está sendo forçada a fugir de sua casa na Ucrânia e buscar refúgio em países vizinhos. Algumas dessas crianças estão em movimento há dias em temperaturas congelantes, passando de uma acomodação temporária para outra. Muitos foram forçados a fugir do conforto de suas casas, deixando suas roupas e brinquedos, e talvez até animais de estimação para trás. Suas vidas mudaram em um instante, e para as crianças, que precisam de rotina e familiaridade, isso tem sido profundamente angustiante”, disse Nabâr.

“Uma pesquisa realizada pela Visão Mundial mostrou que o conflito tem impactos severos e de longo prazo nas crianças. É de vital importância que as crianças que foram forçadas a fugir da Ucrânia recuperem rapidamente algum tipo de rotina, tenham algo pelo que esperar e tenham algo familiar que possam desfrutar. E é isso que um CFS pode fornecer em parte”.

A ONU estima que mais de 10 milhões de refugiados já partiram da Ucrânia, com mais da metade deles sendo crianças. Os números continuam a aumentar. Em 15 de março, houve um aumento de 10% na fuga de ucranianos para a Romênia em comparação com o dia anterior. Nabâr disse que muitas das crianças que chegam à Romênia testemunharam combates – ou pior – e viram suas casas e comunidades danificadas ou destruídas.

“Muitas dessas crianças perderam tudo o que sabiam quando o conflito começou”, disse ela. “O que esperamos fazer é ajudá-los a começar a lidar com o trauma da guerra e o estresse de serem desarraigados de suas casas, comunidades, amigos e escolas. O que esta crise está fazendo com as crianças é difícil de imaginar. Haverá efeitos a longo prazo porque elas experimentaram um medo real. Portanto, sentir-se segura é extremamente importante – a segurança permite que elas explorem e sonhem”, declara.

As tendas e os equipamentos que formam os CFS chegaram à Romênia vindos da Alemanha e serão despachados para centros que estão enfrentando um fluxo constante de refugiados e deslocados internos. Os Espaços não são um substituto para a educação para crianças cuja escolaridade foi interrompida, mas são uma medida paliativa para restaurar alguma normalidade e estimulação.

“A longo prazo, a Visão Mundial obviamente buscará integrar as crianças na sociedade e trazê-las de volta ao ensino regular”, disse Nabâr. Com presença na Romênia há mais de três décadas, a equipe liderada localmente da World Vision foi capaz de responder à crise da Ucrânia imediatamente, logo que o conflito começou. Também tem respondido à crise de refugiados em passagens de fronteira, com água, alimentos e kits de higiene e áreas de recreação infantil, além de aquecedores para descanso de mães e filhos. Além disso, a organização tem expandido sua resposta, não só na Romênia, mas também na Ucrânia e na Moldávia.

“Como uma organização focada na criança, o bem-estar físico e mental das crianças afetadas por este conflito é a preocupação prioritária da World Vision. A forma como as crianças são tratadas e cuidadas nestas fases iniciais terá um impacto a longo prazo na forma como lidam com esta situação de crise. É essencial que obtenham todo o apoio possível para lidar com os efeitos traumáticos deste conflito, a curto e longo prazo, e que o apoio à saúde mental seja prioritário.”

Interessados em contribuir com as iniciativas humanitárias aos ucranianos podem fazer doações de qualquer valor pelo link ou pela chave do PIX: sos@visaomundial.org .

Sobre a Visão Mundial

A World Vision, conhecida no Brasil como Visão Mundial, é uma organização humanitária dedicada a trabalhar com crianças, famílias e suas comunidades para atingir todo o seu potencial, combatendo as causas da pobreza e da injustiça. A Visão Mundial serve a todas as pessoas, independentemente de religião, raça, etnia ou gênero. A organização está no Brasil desde 1975 atuando por meio de programas e projetos nas áreas de proteção, educação, advocacy e emergência, priorizando crianças e adolescentes que vivem em situações de vulnerabilidades.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mendonça pede vista e suspende julgamentos de Moraes contra Bolsonaro