Aeroporto de Brasília terá quatro novos voos vindos da Argentina

Secretaria de Turismo do DF, Embaixada da Argentina, Aerolíneas Argentinas e Inframerica anunciam, oficialmente, a medida em evento nesta quinta-feira (10)

O Aeroporto de Brasília deve receber mais quatro de Buenos Aires. O anúncio oficial dos novos voos será feito nesta quinta-feira (10), às 9h, na Embaixada da Argentina. O Distrito Federal já recebe quatro voos semanais partindo da capital argentina.

Os voos serão às terças, quartas, sábados e domingos, para decolagens em Buenos Aires. As saídas de Brasília para Buenos Aires ocorrerão às terças e sábados, às 21h50, e nas quartas e domingos, às 8h45. As chegadas do voo na capital federal serão às terças e sábados, com pousos às 20h45. Nas quartas e domingos, às 7h20. O avião escolhido para esta rota é o modelo Boeing 737-700, com 120 assentos e duas classes.

Os aviões da Aerolíneas Argentinas sairão da capital portenha após conexões vindas de Córdoba, Mendoza e Rosário. As decolagens serão pelo Aeropark, no centro da capital vizinha. Os voos serão diretos, com duração de três horas e meia.

“Essa é uma conquista importante após três anos de negociações e abre mais uma porta internacional para a cidade”, afirma a secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça. Com capacidade para atrair anualmente 20 mil argentinos para Brasília, o número de visitantes para a capital brasileira devem dobrar, fazendo um comparativo com a média dos últimos três anos.

Além da secretária de Turismo, estarão presentes ao evento o embaixador da Argentina no Brasil, Daniel Scioli; o presidente da Inframerica, Juan Djedjeian; o diretor Comercial, de Planejamento e Gerenciamento de Rotas da Aerolíneas Argentinas, Fábian Lombardo; e o secretário executivo do Instituto Nacional de Promoção Turística da Argentina (Inprotur), Ricardo Sosa.

Essa nova possibilidade para os visitantes vai movimentar a economia criativa do DF com maior fluxo turístico e geração de emprego e renda nas áreas de hotelaria, gastronomia, transporte interno, entre outras, podendo chegar a um montante anual superior a R$ 55 milhões, se considerada a permanência de três dias por passageiro. De acordo com o Ministério do Turismo, um viajante estrangeiro gasta, em média, R$ 800 por dia no Brasil.

Com informações da Agência Brasília

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mendonça pede vista e suspende julgamentos de Moraes contra Bolsonaro