JP inova com clássico em hamburgada no Superquadra Bar

Na última quinta feira (17) o Superquadra Bar em parceria com JP do “Hamburguer na Veia” realizaram uma “hamburgada”mais que especial

Na última quinta feira (17) o Superquadra Bar em parceria com JP do “Hamburguer na Veia” realizaram uma “hamburgada”mais que especial, desta vez para comemorar o aniversário do denominado “Influenciador de Hambúguer” de Brasília. O evento marcou o relançamento do clássico Patty Meltm.

o evento surgiu em função do sucesso da última hamburgada realizada para a reforma da Tuníca, a Brasília 1980 de JP. Por ser o dia do aniversário decidiram então comemorar com esse evento. a parceria com o superquadra vem de uma amizade de longa data entre o JP e o Tonico Lichtsztejn que convidou pela 3° vez o JP para fazer eventos voltados para o hambúrguer no Superquadra.

O que é o Patty Melt

É um sanduíche clássico americanos inventado em 1950 por Tiny Naylor que tinha um drive in em Los Angeles, replicado em 1990 pela neta dela a, Jennifer Naylor, que reproduziu o sanduíche no restaurante Granita, de Wolfgang Puck, em Malibu. Depois disso ele ganhou o mundo e várias versões apareceram derivados do preparo original.

Vocês já ouviram falar no Patty Melt? Ele é um sanduíche quente, com pão geralmente de centeio (rye), recheado com carne de hambúrguer (hamburger patty), cebola caramelizada (caramelized onions) e queijo (quase sempre American, Cheddar ou Swiss).

A versão criada e adaptada por JP leva pão de forma artesanal, dois hambúrgueres tipo smash com queijo prato e cebola caramelizada in natura.

Afinal quem é o JP?

João Paulo (JP) nascido e criado em Brasília, vivenciou experiências como jornalista e gestor de eventos até se descobrir na cozinha, talento que estava escondido, mas veio à tona após se formar em Minas Gerais, abrindo portas pra a atuação em cozinhas do Brasil. Aliado a outra paixão que é viajar, JP desbravou cozinhas pelos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Pernambuco e Brasília, além de uma bagagem internacional que trouxe da África do Sul onde residiu por quase 2 anos.

Entre todas as suas paixões na cozinha, certamente a mais latente é o hambúrguer, por isso sentiu a necessidade de proporcionar às pessoas acesso a essa iguaria a qualquer momento através da sua primeira empresa chamada local burguer que comercializava blends de hamburger para o consumidor final.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

43% dos beneficiários do Auxílio Brasil estão inadimplentes