Zelensky visita Bucha e convida Merkel para ver ‘torturados’ na Ucrânia

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, visitou, hoje, a cidade de Bucha, alvo de um massacre durante a ocupação das forças russas. Cerca de 410 corpos foram achados em territórios na região de Kiev, capital ucraniana. Em Bucha, aproximadamente 280 estavam em valas comuns.

A Rússia nega ter matado civis na cidade de Bucha. “Rejeitamos categoricamente todas as acusações”, disse hoje o porta-voz do governo russo, Dmitry Peskov.

Zelenskiy declarou que a negociação com a Rússia se torna mais difícil depois que Kiev tomou conhecimento das “atrocidades cometidas pelas forças russas na Ucrânia”.

“Estes são crimes de guerra e serão reconhecidos pelo mundo como genocídio”, disse Zelenskiy, usando colete à prova de balas e cercado por militares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Alexandre de Moraes exalta urnas e firma posição combativa do TSE contra fake news