Doria desiste de disputar Presidência, dizem jornais

Doria deve fazer o anúncio oficial durante evento com prefeitos no Palácio dos Bandeirantes, a sede do governo paulista, às 16h

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), avisou aliados e assessores que não pretende mais deixar o cargo para concorrer à Presidência da República, disseram os jornais Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo nesta quinta-feira, 31.

Segundo a Folha, a decisão de Doria abriu uma crise no PSDB. O vice-governador de SP, Rodrigo Garcia, pretendia disputar o cargo de governador na eleição de outubro já ocupando a cadeira com a saída de Doria para disputar a Presidência.

De acordo com o Estadão, Doria deve fazer o anúncio oficial durante evento com prefeitos no Palácio dos Bandeirantes, a sede do governo paulista, às 16h. As demais agendas do dia foram canceladas.

Estadão acrescentou que Doria também deve anunciar a saída do PSDB. Sem ele, o partido pode disputar a Presidência com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, que havia perdido para Doria em uma disputa prévia da legenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ibaneis estuda atender 80 mil famílias no DF com o Cartão Prato Cheio