Denilson fala sobre dívida de R$ 5 milhões de Belo: ‘Surreal ele não pagar’

Durante uma entrevista ao podcast dos humoristas Bola e Carioca, o ‘Ticaracaticast’, Denilson falou sobre a situação

Não é de hoje que o ex-jogador e apresentador esportivo Denílson e o cantor Belo, travam uma guerra judicial para resolver uma dívida de R$ 5 milhões pendente do artista com o atleta. A questão já se arrasta por 20 anos e, até o momento, Belo não deu indícios de que vai pagar.

Durante uma entrevista ao podcast dos humoristas Bola e Carioca, o ‘Ticaracaticast’, Denílson falou sobre a situação.

Segundo ele, até hoje o cantor não o procurou para pagar o que lhe deve. “É surreal um cara te dever um bagulho e viver como se não tivesse te devendo nada”, disparou Denílson. “Quem?”, questionou Bola.

“Um cantor feinho aí que vive como se nada… Isso não é normal. Aí você fala: ‘mano, fulando de tal precisa me pagar’. Aí vem gente e diz: ‘deixa o cara em paz’. Que deixa o cara em paz, o quê? Esse é o exercício que todos nós deveremos fazer: se colocar no lugar do próximo. Não é normal esse maluco dever e viver a vida normal e não me pagar”, respondeu. “Vai ali faz show e não chega com nada… Isso não é normal”, finalizou.

O montante que foi acumulando durante o tempo até chegar neste valor, se formou por uma quebra de contato. Belo decidiu deixar a banda Soweto e seguir carreira solo. O grupo era empresariado por Denílson, que processou o cantor pela atitude. A justiça deu a sentença e condenou Belo a pagar a multa contratual.

O motivo do prejuízo foi que Denílson teria investido dinheiro na banda e perdeu o valor, pois a fama, agenda e a sobrevivência do grupo diminuiu com a saída de Belo.

O acordo foi de que valores arrecadados em shows de Belo seriam depositados em uma conta criada por Denílson. O acordado, no entanto, não foi cumprido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mendonça pede vista e suspende julgamentos de Moraes contra Bolsonaro